Beneficiário:

Caritas Diocesana de Salamanca

Território:

c/ Monroy, 2. 37002 Salamanca 

Competências e experiencias relevantes:

Cáritas Diocesana de Salamanca desenvolve de forma continuada programas socio laborais desde o ano de 1980. As suas linhas de trabalho principais centram-se nos seguintes âmbitos: toxicodependência, apoio aos sem abrigo, intervenção na área da infância e juventude em risco de exclusão social, apoio a famílias destruturadas, apoio a imigrantes, apoio a pessoas com VIH_SIDA e intervenção com reclusos e ex-reclusos. A promoção laboral de todas estas pessoas fomenta-se através de itinerários personalizados de inserção laboral que contemplam ações de: informação, orientação, formação para o emprego e intermediação laboral. No ano de 2002, cria-se a empresa de Inserção “La Encina Servicios Integrados” com o objetivo de se criarem oportunidades de emprego dirigidas a pessoas em situação de exclusão social. Para o desenvolvimento de toda esta intervenção a Cáritas Diocesana de Salamanca conta com uma equipa multidisciplinar de 80 pessoas contratadas e com o apoio de mais de 650 voluntários.  

No que concerne à experiência no desenvolvimento de projetos sobre a temática de atuação, destaca-se a participação nas seguintes iniciativas: POLCD, programa concedido à Cáritas Espanhola, realizando itinerários de inserção laboral (no qual se desenvolvem ações de informação e orientação laboral, formação e intermediação laboral), desde o ano de 2000 ate à atualidade. Iniciativa EQUAL: parceiro no programa Emi_Equal desenvolvido de 2005-2007. O programa de apoio aos toxicodependentes durante os anos de 2009-2010 no âmbito da iniciativa POCTEP: projeto 0100_REDES_DROG_3_E REDES através do acordo de subvenção do Comissário Regional de Drogas.

No ano de 2013, Cáritas Diocesana de Salamanca impulsiona a criação da Rede de Apoio Mútuo das Cáritas Diocesana da Raya, formada por: Cáritas Diocesana de Ciudad Rodrigo, Cáritas Diocesana de Coria-Cáceres, Cáritas Diocesana de Mérida-Badajoz, Cáritas Diocesana de Salamanca, Cáritas Diocesana de Beja, Cáritas Diocesana de Évora y Cáritas Diocesana de Portalegre-Castelo Branco. Estas 7 Cáritas desenvolvem, desde o dia 1 de janeiro de 2013 até à atualidade, um projeto de Cooperação Transfronteiriça, no âmbito da iniciativa do programa Operativo de Luta Contra a Marginalização 2007-2013, cujos eixos de trabalho são: 1) Valorização de diferentes recursos para facilitar a mobilidade laboral das pessoas; 2) Formação de agentes de inserção laboral (encontros transfronteiriços); 3) Desenvolvimento e conhecimento de boas práticas de inserção laboral (Intercâmbio de agentes); 4) Validação de oportunidades de emprego através do desenvolvimento da economia social (iniciada no ano de 2015) e 5) Visibilidade, comunicação e participação (grupos de discussão, fomento de redes sociais e blog do projeto).

Durante os anos 2009-2013: foi desenvolvido, em parceria com a Cáritas Diocesana de Ciudad Rodrigo e Cáritas Diocesana de Guarda (Portugal), um projeto de cooperação transfronteiriça sobre dinamização comunitária. No âmbito deste projeto publicou-se um estudo “A Raia… como é: realidade problemática, futuro de esperança”, financiado através de fundos europeus, que serve de base para o desenvolvimento do projeto. 

© Copyright - ONEP | Desenvolvido pela ADSI